Metodologia x Processo: O que realmente importa?

Muito se discute sobre metodologias de software e hoje estou convencido de que não é possível o desenvolvimento de software sem uma metodologia eficiente. E toda metodologia traz consigo uma série de processos a serem seguidos. E,  este eh um ponto importante que diferencia as diferentes metodologias presentes no mercado: a quantidade de processo que cada uma traz consigo.

Mas… qual é o limite ideal da relação programação/processo?

Os desenvolvedores irao brigar pelo desenvolvimento, e o pessoal dos times de qualidade, pelo processo 🙂

Mas que tal olhar sob o ponto de vista do usuario? sera que ele se importa realmente se o software que esta usando eh proveniente de uma empresa com certificacao CMMI? Eu, como usuario, nao me importo.

Sob este ponto de vista, acredito que a quantidade ideal de processo eh a minima possivel, para que seja possivel o gerenciamento do projeto, mas que nao leve o desenvolvedor a passar mais da metade de seu tempo preenchendo formularios. (quem trabalha em empresas de porte medio a grande sabe do que estou falando… 🙁 )

PS: me perdoem a falta de acentuacao, estou postando de um PC desconfigurado..

Deixe um comentário